Skip Navigation Links

 
 
        Filiada à:
Grande Loja Maçonica do Estado de São Paulo
 

Ordem Demolay - Capítulo Asas da Liberdade
 

História do Capítulo

 
Votuporanga também seguiu os passos do sucesso da Ordem no Brasil e no mundo. Em 1985, o tio Oscar Gonçales Sancho, em visita ao município, trouxe a ideia de fundação de um capítulo na cidade para as lojas maçonicas "Jose Ferreira Vieira" e "Uniao Universal 50". Logo os tios votuporangueses agiram e aprovaram a criação de um Capítulo em Votuporanga. Neste mesmo ano, 15 jovens votuporangueses, todos filhos de maçons, foran iniciados em SJRP. Esta iniciação tinha como objetivo de fazer com que os jovens aprendessem um pouco sobre hierarquia, respeito e o funcionamento de um capítulo. No dia 8 de março de 1986, em uma reunião na loja maçonica União Universal 50, foi fundado oficialmente o capítulo "Asas da Liberdade" da Ordem DeMolay de Votuporanga.

A ideia do nome do capitulo veio do filme Asas da Liberdade, com a sugestão do irmão Wesley Aguiar Golçalves. Apartir daí os tios iniciaram o trabalho de instalação do capítulo. No dia 26 de Abril de 1986 foi instalado o "Asas da Liberdade" em Votuporanga e realizada a primeira reunião ordinária. Nesta oportunidade iniciram os 15 jovens iniciados em São José do Rio Preto e ainda outros 17 sendo tres da cidade de cardoso, sendo que um deles ainda doi escolhido para ser o primeiro a ocupar o cargo de Mestre Conselheiro. Joaquim Eduardo Neves assumiu o cargo e depois foi eleito novamente para ser Mestre Conselheiro eleito na primeira eleição do capítulo.

Votuporanga também foi uns dos percursores no desligamento de São Paulo do Supremo Conselho da Ordem DeMolay para o Brasil. Logo após a criação do Grande Conselho, o "Asas da Liberdade" acertou a sua transferencia e foi o terceiro capítulo a se filiar, atrás somente de São Paulo e Fernandópolis. Hoje todos são subordinados ao Supremo Conselho da Ordem DeMolay para a Repúplica Federativa do Brasil.

 

O que é a Ordem Demolay?

 
A Ordem DeMolay é um grupo de jovens patrocinado e apoiado pela maçonaria desde 1919, que foi criado nos Estados Unidos da América por um Maçom da cidade de Kansas City chamado Frank Sherman Land.

Nossa Ordem tem por objetivo criar bons cidadãos, que respeitam as leis, que convivem em harmonia com a sociedade, que auxiliam o próximo em suas necessidades básicas e educacionais e que, por meio do exemplo, sirvam como modelo a ser seguido por todos os jovens. Ou, nas palavras do Primeiro Diácono na Cerimônia de Iniciação:

“O grande objetivo de nossa Ordem é ensinar e praticar as virtudes que nos levam a uma vida pura, reta, patriótica e reverente, como a melhor preparação para a maioridade da qual nos aproximamos. Nós procuramos, sinceramente, ser melhores filhos, melhores irmãos e melhores amigos, para que, ao chegarmos aos anos da maioridade, possamos ser melhores homens.”

O Capítulo DeMolay é responsável por conceder os Graus Iniciático e DeMolay e é a célula base de nossa Ordem. Existe também a Ordem Sagrada dos Soldados Companheiros de Jacques DeMolay, que se reúne em Priorados, que são responsáveis por conceder o Grau de Nobre Cavaleiro e do Ébano e algumas outras encenações opcionais. Além dessas duas organizações temos também a Corte de Chevalier, que é uma organização que congrega os DeMolays que receberam o Grau de Chevalier, que é a maior honraria que um membro ativo da Ordem DeMolay pode receber.

Cada uma dessas organizações congrega jovens de diferentes idades e que possuem necessidades e aspirações diferentes e você, como um membro, poderá aprender várias e preciosas lições que lhe auxiliarão na vida adulta, tais como:

  • Falar em público;
  • Procedimentos parlamentares;
  • Hierarquia e disciplina;
  • Respeito às regras;
  • A importância de auxiliar a comunidade;
  • Responsabilidade.
 

História do Emblema

 
O emblema DeMolay foi criado por nosso fundador, Frank Sherman Land, e cada parte do emblema oficial da Ordem DeMolay tem um significado particular para os membros da Ordem.

A Coroa é o símbolo que representa a Coroa da Juventude. Ela constantemente relembra um DeMolay de suas promessas e dos sete preceitos da Ordem.

As Pérolas e os Rubis que estão na Coroa homenageiam o Fundador e os nove jovens que originalmente criaram a Ordem DeMolay. Os rubis deveriam ser substituídos por pérolas quando cada um dos membros fundadores da Ordem e o Tio Land morressem. A última pérola foi substituída quando Jerome Jacobson faleceu em Maio de 2002.

O Elmo é um emblema do cavalheirismo, ele representa o bom caráter.

A Cruz branca de cinco braços simboliza a pureza de suas intenções. Sempre relembrando o slogan da Ordem que é “Nenhum DeMolay deverá falhar como um cidadão, como um líder ou como um homem”.

As Espadas Cruzadas representam a justiça, a coragem e a gentileza. Elas nos relembram que os DeMolays não devem ser arrogantes ou intolerantes.

As Estrelas que estão em torno da Lua são símbolos da esperança. Elas devem nos lembrar de nossos juramentos e dos deveres que temos para com os Irmãos da Ordem.


   
 
 
ARLS "José Ferreira Vieira" Nº 168
 
Rito Escocês Antigo e Aceito
Reuniões às Segundas-Feiras - 20h na Av Cuiabá, 4476 - Jd. Bom Clima
Oriente de Votuporanga - SP
Filiado à GLESP São Paulo/SP - Brasil

Billalba CarvalhoGalias Atraente Móveis Rosa Mistica Herrera e Scopel Advogados Madrid Imóveis Ped Frios Marcinho Costa Produções Artisicas Imobiliária Padroeira
Copyright © 2017 Maçonaria Virtual